4 de dez de 2017

A Culpa é das Estrelas - John Green - Resenha


A Culpa é das Estrelas
John Green
Editora: Intrínseca
Nº de Páginas: 288
Gênero: Romance
Classificação: ✰✰✰✰

Qual é a diferença entre alcançar os 100 anos e morrer aos 18? Se vamos todos morrer um dia, qual a vantagem de se prolongar o tempo por aqui, se não for para fazer a diferença na vida das pessoas?

É estranho pensar que a gente está morrendo, mesmo quando parece que precisamos de uma eternidade para entender ou aprender tantas coisas. Hazel Grace parece não entender a razão, mas sabe lidar com isso de uma maneira consideravelmente confortável. Gus, também parece estar tranquilo a respeito dessas coisas, mas quais são os medos reais vivenciados por cada um deles?

Nesse romance fofo que muitos disseram ter chorado litros, eu não consegui verter uma lágrima, pois esse livro não me fez chorar, mas sonhar em ir conhecer as estrelas. Amei cada pedacinho dele, porque os personagens não se fixaram na doença e nas suas complicações e consequências, mas voaram alto e mostraram que independente do tempo que se tenha é possível realizar sonhos e viver intensamente, mais até do que os que vivem 100 anos e nesse processo, não conseguem descobrir onde se esconde o sentido de suas vidas.

Dois pontos me encantam nesse romance: Um encontro aproxima jovens com doenças graves e um livro os une num propósito que torna a história uma delícia, apesar de todos os desencontros. Uma viagem quase impensável se realiza e traz magia aonde só esperávamos dor!


A diferença é viver de uma forma infinita...

Se você ainda não conhece essa história, venha sonhar com esse casal lindo e cheio de força interior. Hazel e Gus sabem exatamente o que podem esperar da vida e por isso, não temem a morte...

Grande abraço,

Drica.